A GESTÃO DAS ÁGUAS MINERAIS E SUBTERRÂNEAS À LUZ DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988

Valter Otaviano da Costa Ferreira Junior

Resumo


Como bem de inestimável valor a gestão das águas deve ser tratada a partir de uma visão mais abrangente, a partir do exame da indispensável articulação de procedimentos entre o Departamento Nacional de Produção Minera l- DNPM. Aborda os princípios fundamentais para análise deste tema, com a indicação dos principais princípios constitucionais sobre a exploração de águas a partir do ordenamento brasileiro.


Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .