INTERAÇÕES ESPONTÂNEAS EM AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM POR MEIO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS: UM MAPEAMENTO BASEADO NA ANÁLISE DE REGISTROS DE ACESSO AO SISTEMA

Ana Luisa Mülbert, Osmar de Oliveira Braz Junior

Resumo


O contexto tecnológico atual tem favorecido o desenvolvimento de uma modalidade educacional que vem sendo chamada de m-learning (ou mobile learning), que consiste no uso educacional de dispositivos móveis e portáteis em atividades de ensino e aprendizagem. Alinhado a esta temática, este artigo apresenta o uso espontâneo que estudantes do ensino superior têm realizado no acesso ao Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) por meio de seus dispositivos. A partir dos registros dos acessos ao AVA de uma instituição de ensino superior, ao longo de um período de cinco anos, mapeou-se o perfil de uso que estes fizeram por meio de seus dispositivos móveis. Identificou-se características importantes quanto ao volume de acessos, ao tempo de permanência no sistema e alguns atributos das tecnologias móveis adotadas pelos estudantes. Os resultados apontam para o aumento do interesse por parte dos estudantes, para um contexto tecnológico heterogêneo e complexo, que exige uma cuidadosa adaptação dos AVAs para favorecer a incorporação das tecnologias móveis na mediação da aprendizagem.


Palavras-chave


educação a distância; mobile learning; learning analytics; tecnologia educacional; ambiente virtual de aprendizagem

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .