CLASSIFICAÇÃO DE CRITÉRIOS PARA SELEÇÃO DE ERP: UM ESTUDO UTILIZANDO A TÉCNICA DELPHI (DOI: 10.5329/RESI.2010.0901001)

Alberto de Medeiros Junior, Gilberto Perez, Tamio Shimizu

Resumo


A escolha de um Sistema Integrado de Gestão (ERP) deve ser feita de forma criteriosa, em face dos altos custos envolvidos na aquisição deste tipo de sistemas. Gestores de áreas como contabilidade, financeiro e, principalmente, de sistemas de informação (SI) e de tecnologia da informação (TI) necessitam de apoio e ferramentas que os auxiliem na seleção de um ERP. Este artigo apresenta uma pesquisa realizada visando a classificar os principais critérios de avaliação que possam ser utilizados em análise por Sistema de Apoio à Decisão (SAD), o que possibilitará a avaliação das adequações e impactos nas mudanças da organização relacionadas com a escolha final do sistema. Essa classificação foi feita utilizando-se a Técnica Delphi, aplicada em especialistas em seleção e implantação de ERP. O resultado mostrou-se satisfatório em duas rodadas e demonstrou ser plausível a sua utilização para se definir a importância dos critérios. Dentre outros, destacaram-se os seguintes critérios: funcionalidade; integração modular cruzada; referências do fornecedor; "implantabilidade" e flexibilidade.

Palavras-chave


Sistema Integrado de Gestão; seleção de software; classificação de critérios; técnica Delphi

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5329/RESI.2010.0901001