A EDUCAÇÃO SOB O PONTO DE VISTA SOCIALISTA EM MARX: desafios da universalização de um direito social cada vez mais convertido em mercadoria

Joel Souza

Resumo


Karl Marx poucorefletiu sobre a educação de forma pontual e específica, mas seus estudosnortearam os trabalhos de outros pesquisadores que se dedicaram a estabeleceruma correlação desta com os objetivos do socialismo visando estabelecer umaconformidade de ações que libertaria o homem do fracionalismo da atividadelaboral imposta pelo capitalismo de forma alusiva à linha de montagem e aosmétodos de produção industrial. Segundo Marx o homem seria capacitado de umaforma holística e conscienciosa a fim de poder atuar participativamente nasociedade. Este artigo propõe uma profunda reflexão acerca dos desafios deuniversalização de um direito social cada vez mais convertido em mercadoria – aeducação.

Referências


BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1979.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O que é educação. 12. ed. São Paulo: Brasiliense, 1984.

DELORS, Jacques. Educação: um tesouro a descobrir. 9. ed. São Paulo: Cortez, Brasília, 2004.

ENGUITA, Mariano F. A face oculta da escola. Porto Alegre: Artes Médicas, 2004.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GHIRALDELLI JUNIOR, Paulo. Filosofia e história da educação brasileira. Barueri, SP: Manole, 2003.

GRAMSCI, Antonio. A concepção dialética da história. Rio de Janeiro: Civilização, 1978.

IMBERNÓN, Francisco (org.). A educação no século XXI: os desafios do futuro imediato. Editora Grão, 1999.

KONDER, Leandro. Marx. São Paulo: Editora Perez, 1998.

LEMME, Paschoal. Memórias. São Paulo, Cortez / Brasília, INEP, v.2, 1988.

LIBÂNEO, José Carlos. Pedagogia e pedagogos, para quê? São Paulo: Cortez, 1998.

MALHOTRA, Naresh K. Pesquisa em marketing: uma orientação aplicada. 4. ed. Porto

Alegre: Bookman, 2006.

MARCONI, Marina de Andrade, LAKATOS, Eva Maria. Metodologia científica: ciência e

conhecimento científico; métodos científicos; teoria, hipóteses e variáveis; metodologia

jurídica. 5. ed. rev. ampl. São Paulo: Atlas, 2009.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Técnicas de pesquisa:

planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas de pesquisas,

elaboração, análise e interpretação de dados. 6 ed. São Paulo: Atlas, 2006.

MARX, Karl . A Ideologia Alemã I e II. (1845). Lisboa: Editorial Presença; São Paulo: Livraria Martins Fontes, 2007.

MARX, Karl. Teses contra Feurbach. In: MARX. Os pensadores. São Paulo: Abril, 1978.

MARX, Karl; ENGELS, F. Manifesto comunista. São Paulo: Ched, 1984. RÉVILLION, A. S. P. A Utilização de pesquisas exploratórias na área de marketing. Revista Interdisciplinar de Marketing, Maringá, v.2, n.2, p. 21-37, Jul./Dez. 2003. Disponível em:

. Acesso em 20 set. 2013.

OZMON, Howard A.; CRAVER, Samuel M. Fundamentos filosóficos da educação. 6. ed. Porto Alegre: Artimed, 2004.

SALOMON, D. V. Como fazer uma monografia. 11. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

SILVA, E. L. MENEZES, E. M. Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação. 3. ed. Florianópolis: Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, 2001.


Texto completo: PDF