DAS CRIANÇAS DE ROUSSEAU ÀS CRIANÇAS DA CONTEMPORANEIDADE

Dagma Heinkel

Texto completo:

PDF

Resumo

Este artigo busca trazer a Infância, pensada como ser histórico e social de uma determinada época, pautada nas singularidades de suas histórias vividas. Infância contemporânea, Infância moderna, diversificada, específica, particularizada, global, local, educada e capaz, fazendo-se humana nas suas relações.  Infâncias na escola, escola do currículo, escola da prática reflexiva de suas ações. Infâncias realizadas e Infâncias des-realizadas. Infâncias que hoje assumem diferentes identidades e possibilidades de ser na ação de ensinar-aprender.