MITIGAÇÃO DE RISCO NA TERCEIRIZAÇÃO DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

Edmir Parada Vasques Prado

Resumo


Esta pesquisa tem como objetivo geral avaliar os fatores que influenciam o processo de análise de risco na terceirização de serviços de tecnologia de informação (TI), conduzida por organizações privadas. A pesquisa caracteriza-se por ser um estudo descritivo e quantitativo, no qual foi utilizado o método de enquête (survey). Os dados foram coletados através de questionário. A amostra é não probabilística, composta de 59 organizações, e foi utilizado um processo de amostragem por conveniência. A pesquisa fez contribuições ao entendimento do processo de análise de risco na terceirização de serviços de TI. Ela identificou relações estatisticamente significativas entre a análise de risco, e as características organizacionais, e identificou preocupações diferenciadas das organizações nas diferentes fases do ciclo de vida da terceirização.

Palavras-chave


tecnologia de informação; terceirização; análise de risco, setor privado

Referências


AAKER, D. A.; KUMAR, V.; DAY, G. S. Pesquisa de marketing, 2. ed. São Paulo: Atlas, 2004.

ALENCAR, J. A.; SCHMITZ, E. A. Análise de risco em gerência de projetos. Rio de Janeiro: Brasport, 2006.

APPLEGATE, L. M.; AUSTIN, R. D.; MC FARLAN, F. W. Corporate information strategy and management: the challenge of managing in a network economy, 6. ed. McGraw-Hill, 2003.

ARON, R.; CLEMONS, E. K.; REDDI, S. Just right outsourcing: understanding and managing risk. Hawaii International Conference on System Sciences, 38., Hawaii, Proceedings... HICSS, 2005.

AUBERT, B. A.; PATRY, M.; RIVARD, S. Assessing the risk of IT outsourcing. May, 1998. Disponível em: http://www.cirano.qc.ca/pdf/ publication/98s-16.pdf. Acesso em: 2 mar 2010.

BABBIE, E.; HALLEY, F.; ZANINO, J. Adventures in social research. California: Sage Publications, 2000.

BARTHÉLEMY, J. The hard and soft sides of IT outsourcing management. European Management Journal, v. 21, n. 5, p. 539-548, October, 2003. doi: 10.1016/S0263-2373(03)00103-8

COHEN, L.; YOUNG, A. Multisourcing: moving beyond outsourcing to achieve growth and agility. Boston: Harvard Business School Press, 2006.

GOLES, T.; CHIN, W. W. Information systems outsourcing relationship factors: detailed conceptualization and initial evidence. Data Base for Advances in Information Systems, v. 36, n. 4, p. 47-67, Fall, 2005.

GOODMAN, S. E.; RAMER, R. Identify and mitigate the risks of global IT outsourcing, Editorial Preface, The Journal of Global Information Technology Management, v. 10, n. 4, p. 1-6, 2007.

HOROWITZ, A. S. Extreme outsourcing: does it work? Computerworld, p. 50-51, May 10, 1999.

IDG NOW. Terceirização de infra-estrutura de TIC no Brasil triplicará até 2012. 2008. Disponível em: http://idgnow.uol.com.br/computacao_ corporativa/2007/04/18/idgnoticia.2007-04-18.7746081676/. Acesso em: 15 jun 2009

JENSEN, M.; MECKLING, W. Theory of the firm: managerial behavior, agency costs, and ownership structure. Journal of Financial Economics, v. 3, 1976.

KERN, T.; WILLCOCKS, L. Exploring information technology outsourcing relationships: theory and practice. Journal of Strategic Information Systems, n. 9, p. 321-350, 2000. doi:10.1016/S0963-8687(00)00048-2

KING, M. Brazil information technology report Q3. 2008. Disponível em: http://www.companiesandmarkets.com/Summary-Market-Report/Brazil-Information-Technology-Report-Q3-2008-49414.asp. Acesso em: 22 abr 2010.

KISHORE, R.; RAO, H. R.; NAM, K.; RAJAGOPALAN, S.; CHAUDHURY, A. A relationship perspective on IT outsourcing. Comunications of the ACM, v. 46, n. 12, p. 87-92, 2003. doi:10.1145/953460.953464

KLIEM, R. L.; LUDIN, I. S. The essentials for successful IT outsourcing. In: J. Butler (Org). Winning the outsourcing game. (p. 57-65). New York: Auerbach Publications, 2000.

LACITY, M. C.; WILLCOCKS, L. P. Global information technology outsourcing. England: John Wiley & Sons, 2001.

LACITY, M. C.; WILLCOCKS, L. P.; FEENY, D. IT outsourcing: maximize flexibility and control. Harvard Business Review, p. 84-93, maio/junho, 1995.

LEITE, J. C. Terceirização em informática. São Paulo: Makron Books, 1994.

McFARLAN, F. W.; MC KENNEY, J. L.; PYBURN, P. The information archipelago – plotting a course. Harvard Business Review, v. 61, n. 1, p. 145-156, 1983.

PMI. Um guia do conhecimento em gerenciamento de projetos – Guia PMBOK, 4. ed. Newtown Square: PMI, 2008.

ROSENBERG, M. A lógica da análise do levantamento de dados. São Paulo: EdUSP, 1976.

ROVAI, R. L. Modelo estruturado para gestão de risco em projetos: estudo de múltiplos casos. São Paulo. Tese de Doutorado – Escola Politécnica. Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.

SAUSO, R. Business and information technology alignment: research propositions related to enterprise architecture frameworks. Helsinki University of Technology, 2003.

SCHMIDT, S. O.; PRADO, E. P. V. Modelos organizacionais da terceirização da tecnologia de informação: um estudo de múltiplos casos. Monografia, Escola de Artes, Ciências e Humanidades, USP, São Paulo, 2008.

SELLTIZ, C.; WRIGHTMAN, L. S.; COOK, S. W. Métodos de pesquisa nas relações sociais. São Paulo: EPU, 1987.

TAYLOR, H. Outsourced IT project from the vendor perspective: different goals, different risks. Journal of Global Information Management, v. 15, n. 2, p. 1-27, 2007. doi:10.4018/jgim.2007040101

WESTERMAN, G.; HUNTER, R. O risco de TI: convertendo ameaças aos negócios em vantagem competitiva. São Paulo: M. Books, 2008.

WILLCOCKS, L. P.; LACITY, M. C. IT Outsourcing in insurance services: risk, creative contracting and business advantage. Information Systems Journal, v. 9, p. 163-180, 1999. doi:10.1046/j.1365-2575.1999.00061.x

WILLCOCKS, L. P.; LACITY, M. C; KERN, T. Risk mitigation in IT outsourcing strategy revisited: longitudinal case research at LISA. Journal of Strategic Information Systems, n. 8, p. 285-314, 1999. doi:10.1016/S0963-8687(00)00022-6

WILLIAMSON, O. E. Transaction cost economics: the governance of contractual relations. Journal of Law and Economics, v. 22, n. 2, p. 233-261, October, 1979. doi:10.1086/466942


Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .