OS FATORES QUE EXPLICAM O GRAU DE ACEITAÇÃO DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO ACADÊMICA: UM ESTUDO DE CASO COM DOCENTES DE UMA IES PRIVADA

Patrícia Nunes Costa Reis, Claudio Pitassi, Marco Aurélio Bouzada
DOI: https://doi.org/10.5329/RESI.2013.1203002

Texto completo:

PDF

Resumo

O objetivo deste trabalho foi identificar os fatores que explicam o grau de aceitação do Sistema de Informação Acadêmica (SIA) utilizado nos processos de apoio à gestão docente em uma IES privada, por meio da utilização dos construtos da Teoria Unificada de Aceitação e Utilização de Tecnologia (UTAUT). Foi realizada uma revisão bibliográfica acerca de Sistemas de Informação, de Sistemas de Informação Acadêmica e da evolução dos modelos de aceitação de tecnologia. O estudo adota uma abordagem metodológica quali-quanti e tem fins descritivos e explicativos. Quanto ao método, é um estudo de caso. Os resultados contribuíram para o avanço dos estudos da área de aceitação da Tecnologia da Informação (TI) sobre o uso de Sistemas de Informação Acadêmica (SIA) nas IES privadas brasileiras, a partir do momento em que permitiu refutar algumas premissas do modelo UTAUT – especialmente a influência das condições facilitadoras no uso efetivo do sistema – no âmbito do caso estudado, sugerindo um modelo modificado que pode contemplar as especificidades do contexto acadêmico. O trabalho também mostrou a relevância da triangulação de métodos para o aprofundamento do entendimento das causas de resultados contra-intuitivos ou contraditórios às hipóteses validadas em estudos realizados em diferentes contextos organizacionais e ambientais.

Palavras-chave

tecnologia da informação; UTAUT; SIA; grau de aceitação do usuário