O ESTADO COMO GESTOR DO DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL, TECNOLÓGICO E SOCIAL: O EXEMPLO DE CAMPO LARGO-PR

Francisco Grabovski Neto, Dario E. A. Dergint
DOI: https://doi.org/10.5329/RECADM.20020101003

Texto completo:

Artigo

Resumo

O artigo tem por objetivo demonstrar a importância do papel da administração pública como gestora do fator tecnologia para promover o desenvolvimento econômico, social e tecnológico de uma região. Baseando-se no modelo de gestão de políticas publicas para atração de investimentos no setor industrial implantado na economia paranaense, pretende-se demonstrar como as políticas públicas podem incentivar os investimentos no setor tecnológico, a fim de estimular o desenvolvimento econômico "sustentável" de uma região. O artigo procura demonstrar ainda a importância do papel de gestor e regulador do Estado para uma exploração econômica não predatória dos recursos naturais, a fim de promover a correta utilização da tecnologia para obtenção da satisfação das necessidades sociais e promover o "desenvolvimento sustentável" das cidades. Além disto, com o intuito de contribuir para a formulação de políticas públicas são apresentados conceitos e definições sobre desenvolvimento econômico, inovação tecnológica, e atualização tecnológica, os quais contribuem para a discussão sobre o tema "produção e transferência de tecnologia". 

 


Palavras-chave

Gestão da tecnologia; Inovação Tecnológica; Desenvolvimento Sustentado; Competitividade Empresarial, Desenvolvimento Tecnológico; e Sistema de Inovação


Referências


BARBIERI, José Carlos. Produção e Transferência de Tecnologia. São Paulo: Editora

Ática, 1990.

BRASIL, Haroldo Vinagre. Gestão financeira das empresas; um modelo dinâmico. Rio

de Janeiro: Qualitymark, 1991.

CLEMENTE, Ademir et al. Projetos Empresariais e Públicos. São Paulo: Editora Atlas,

DEMINNG W. Edwards – Qualidade: a revolução da administração – Rio de Janeiro:

Editora Saraiva, 1990.

DEMINNG W. Edwards – O método de Administração – São Paulo: Editora Saraiva,

FLEURIET, Michel. A dinâmica financeira das empresas brasileiras. Belo Horizonte:

Fundação Dom Cabral, 1980.

FIPECAFI. Manual de contabilidade das sociedades por ações. São Paulo: Atlas,

GARTNER, Ivan Ricardo. Análise de Projetos em Bancos de Desenvolvimento.

Florianópolis: Editora da UFSC, 1998.

KEYNES, John Mainardes. A teoria geral do emprego, do juro e da moeda; inflação e

deflação. 2ª. Edição - São Paulo: Nova Cultural, 1985.

MARTINS, Eliseu. Contabilidade de custos. São Paulo: Atlas, 1998.

MATARAZZO, Dante Carmine. Análise Financeira de Balanços - 2ª. Edição. São Paulo:

Editora Atlas, 1991.

MEADOWS, D.H. et al. Limites do Crescimento. São Paulo: Perspectiva, 1978.

PORTER, Michael E. Estratégia Competitiva: Técnicas para Análise de Industrias e

da Concorrência.Tradução de Elizabeth Maria de Pinto Braga; revisão técnica de Jorge ª

Garcia Gómez. 5ª edição. Rio de Janeiro: Campus, 1991.

REIS, Dálcio Roberto dos (2000). Contributos para a melhoria da eficiência e da

eficácia nas relações de cooperação entre universidades e pequenas e médias

empresas industriais brasileiras. Tese de doutoramento em Gestão Industrial.

Universidade de Aveiro, Portugal, Departamento de Gestão e Engenharia Industrial. 377p.

de maio de 2000.

ROSENBERG N., S. KLINE. An Overview of Innovation, appeared in Landau R. and N.

Rosenberg (eds). The Positive Sum Strategy: Harnessing Technology for Economic

Growth, Washington D.C.: National Academy Press, 1986.

ROSENBERG N. Exploring the Black Box: Technology and Economics, Cambridge,

M.A., Cambridge University Press, 1994.

ROSSETTI, José Pascoal. Introdução à Economia. 17ª. edição. São Paulo: Atlas, 1997.

SMITH, Adam. A Riqueza das Nações. Coleção os Economistas. São Paulo: Abril

Cultural, 1983.

SHUMPETER, Joseph Alois. A Teoria do Desenvolvimento Econômico. Coleção os

Economistas. São Paulo: Abril Cultural, 1982.

VIEIRA SOBRINHO, José Dutra. Matemática financeira. 6. ed. São Paulo: Atlas, 1997.

http://www.pr.gov.br/seit/programas.html

http://www.bndes.gov.br/apresent/pepresi.htm

http://www.brde.com.br




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.